Distribuidora Bio Extratus Rio Grande do Norte cresce 46% ao desenvolver a equipe comercial com o IEV

Distribuidora Bio Extratus Rio Grande do Norte cresce 46% ao desenvolver a equipe comercial com o IEV

A Distribuidora Bio Extratus Rio Grande do Norte faz parte do grupo Bio Extratus, em todo o estado do Rio Grande do Norte, com sedes em Mossoró e Natal. Atualmente, a distribuidora tem 50 funcionários e alcança uma extensa área no estado.

Desde 2014, Emanuel de Oliveira Gonçalves é o gestor comercial da empresa, fundada a partir da sociedade entre o pai e o padrinho dele. Inicialmente, seu sonho era ser jogador profissional de futebol, carreira em que atuou nos Estados Unidos e que foi interrompida por uma  lesão.

Ao retornar ao Brasil, ele foi introduzido na empresa, no setor de estoque. Hoje, as vendas fazem os olhos dele brilharem tanto quanto o futebol.

“Se quiséssemos continuar crescendo, precisaríamos dar vários passos a mais”

Emanuel conta que a Distribuidora Bio Extratus Rio Grande do Norte havia passado por alguns anos desafiadores nas vendas, até conseguir aumentar seus resultados, em 2019. “Já fazia algum tempo que eu queria passar por um treinamento. Não só um treinamento técnico de produto, mas ligado a mercado, a boas práticas de vendas e habilidades”, o gestor fala.

Emanuel conta que a equipe comercial já atua há bastante tempo na empresa. Por isso, ele procurava uma maneira de atualizar as técnicas dos vendedores e envolvê-los mais com o negócio. 

Quando surgiu a pandemia do coronavírus, essa necessidade só se mostrou maior. “A gente não sabia muito bem como caminhar, principalmente na parte de vendas”.

Nesse momento, ele conheceu o Instituto de Especialização em Vendas (IEV) por meio da indicação de outra gestora da Bio Extratus, Letícia Fabian Barbosa.

Assim, a Distribuidora Bio Extratus Rio Grande do Norte entrou para o Programa de Desenvolvimento Comercial (PDC), após uma reunião estratégica com um especialista em vendas do IEV. Nesse encontro, a equipe comercial teve todos os seus desafios mapeados e recebeu um plano personalizado para superá-los.

Time engajado, resultados surpreendentes

Ao longo do programa de desenvolvimento, Emanuel conseguiu superar o desafio de engajamento e, hoje, tem outros resultados. 

“Antes do IEV, fazíamos uma reunião por trimestre com a equipe. Hoje, temos pelo menos dois ou três encontros por mês com a equipe. Então, aumentamos esse contato com a equipe, essa proximidade. O retorno tem sido mais rápido, e eu posso dizer que essa cultura foi algo que o IEV nos ensinou”, ele compartilha.

Essa proximidade, as reuniões de boas práticas, de eles entenderem que a gente está cobrando [fez toda a diferença], mas [entender que] também estamos aqui com eles”, o gestor completa.

A partir do engajamento e das técnicas que a equipe adquiriu, os resultados foram sentidos nos marcos dos vendedores. “Aqueles que entenderam o propósito do programa, das mentorias, de tudo, alcançaram resultados muito bons. Um bateu meta anual, outro chegou no crescimento em vendas, alguns vendedores batendo meta todos os meses, e outros alcançando 90%”, Emanuel diz.

O caminho para aumentar o faturamento

Com o IEV,  o gestor conta que aprendeu a traçar metas de forma estratégica. A partir dessa visão nova sobre o negócio, ele também conseguiu entender como adaptar a liderança dele à equipe e influenciar resultados.

“Em algumas mentorias que eu participei com o Victor, nós tínhamos que pensar no que queríamos, faturamento ou lucro. Para mim, enquanto gestor, consegui estar muito mais próximo com a equipe, dar mais suporte e isso nós desenvolvemos bastante com o IEV”, o gestor fala.

“Eu, pessoalmente falando, estou aprendendo a ser mais paciente. Estou aprendendo a entender as pessoas. Esse contato mais frequente está me ajudando a compreender”, ele compartilha.

“Esse tem sido o melhor primeiro trimestre da história da nossa empresa”

As mudanças foram tão expressivas na Distribuidora Bio Extratus Rio Grande do Norte que os resultados da equipe estão marcando história na empresa. “Em relação ao mesmo período no ano passado, a distribuidora de Mossoró teve um crescimento de 53%”, Emanuel revela.

Para ele, esse sucesso também tem relação com o aperfeiçoamento do time. “Subimos o patamar em faturamento. Isso foi possível pela melhora significativa em algumas pessoas da equipe, tanto no atendimento, quanto na prospecção e no pós-venda”, explica o gestor.

Para Emanuel, outro marco está relacionado ao percentual de retornos em avarias (produtos vencidos na distribuidora). O gestor conta que, após a especialização, a equipe conseguiu atingir a menor taxa desse indicador.

“Isso prova o [resultado do] trabalho deles em relação ao mix de produtos ideal para o cliente, na abordagem, no levantamento de necessidades, no pós-venda”, ele completa.

“O suporte de vocês é digno de nota 10”

Para ele, o desenvolvimento valeu a pena não apenas pelo retorno nos números, mas pela evolução na relação dele com a equipe. “Hoje, eu vejo o engajamento e a preocupação da equipe, além da proatividade. Esse foi um ponto-chave. Também tivemos um entendimento dos vendedores sobre o que foi visto”, Emanuel conta.

Ele ainda relata que, durante a jornada de aperfeiçoamento, o apoio da equipe do IEV fez toda a diferença. “Eu indicaria muito vocês em relação a uma coisa, e não é à toa que são especialistas em vendas. Eu posso dizer que o pós-venda, o suporte e o contato que vocês têm com o cliente é um dos melhores que eu já vi. O suporte de vocês é digno de nota 10”, o gestor finaliza.

Quer entender mais sobre o PDC e como você pode alavancar os resultados da sua empresa? Entre em contato conosco.