Dicas para desenvolver uma liderança carismática

O que é exercer a liderança carismática para você? Antes de respondermos a essa pergunta, vamos entender um pouco mais sobre o que é ser um líder!

De acordo com a psicóloga Angela Duckworth, autora do livro Grit (Garra – O poder da paixão e da perseverança), um líder precisa ter um alto nível de apoio e de exigência quanto a seus liderados, porque quando isso não acontece, ele executa um dos outros três perfis negativos de gestão:

  • Autoritária: cobra muito, mas incentiva pouco;
  • Permissiva: apoia muito, mas cobra pouco;
  • Negligente: não cobra ou apoia a equipe.

Em resumo, o líder é aquele que consegue ter alto nível no quanto cobra e apoia o time. Mas, isso não significa que esse perfil tenha carisma. 

De acordo com o dicionário online Dicio.com.br, carismático é um adjetivo que significa que a pessoa expressa carisma, ou seja, ela desperta a admiração dos demais; fascina os outros pelo seu jeito de ser e agir. 

É importante ressaltar que há diferença entre a equipe respeitar e admirar você por ser um bom líder, e por ser um líder carismático. 

Quando você conquista a confiança, lealdade e admiração dos colaboradores, pode-se dizer que você está exercendo uma liderança carismática. Nesse conteúdo, você verá mais profundamente como identificar se você tem essa qualidade e, cada dia mais, desenvolver esse perfil.

Como saber se sou um líder carismático

Em primeiro lugar, você precisa ser um verdadeiro líder. Se você estiver sendo autoritário, negligente ou permissivo, é impossível ser carismático. 

Mas, com isso, você pode se perguntar, “o líder permissivo não teria mais facilidade em ser considerado como carismático por ser o típico amigão da equipe?” A resposta é não! A liderança carismática não é ser simpático ou permitir tudo. Muitas pessoas podem confundir esses conceitos, mas a realidade é que, antes de ser carismático, é preciso ser um líder

O chefe permissivo pode até conquistar, momentaneamente, a admiração e a confiança dos colaboradores por ser mais liberal, mas isso tende a acabar rapidamente porque essa característica não gera evolução e entrega de resultados no time.

Portanto, a equipe que recebe apenas apoio e incentivo, mas sem cobrança, tende a sentir-se estagnada profissionalmente e, ocasionalmente, frustrada e desmotivada

Sabendo dessas informações, para entender se você exerce a liderança, faça uma autoanálise:

  • “Eu estou conseguindo nivelar o quanto apoio e exijo da minha equipe?”
  • “O meu time confia em mim?”
  • “Estamos entregando resultados satisfatórios à empresa?”

Esses são apenas alguns exemplos de questionamentos a se fazer para entender se você é um líder. 

Percebe que nenhum deles requer que você tenha carisma ou não? Porque, como falado, antes de trabalhar essa característica é necessário polir o seu perfil como gestor.

Após esse primeiro estágio, comece a analisar a relação da equipe com você. Aqui sim você buscará entender o quanto você está sendo um influenciador para eles. 

Mas, não fique apenas no campo da observação para saber se tem carisma, também use indicadores de performance, como:

Quanto aos problemas da equipe, você foi solicitado para ajudar a resolvê-los? Quantos deles?

A autonomia de um time é muito importante para o desenvolvimento do todo, mas, para desenvolver a liderança, você pode analisar o porquê de os colaboradores estarem pedindo ou não a sua ajuda. 

Por exemplo, se eles não solicitam que você os ajude nos desafios do dia a dia: é por você não dar abertura a eles para pedirem seu auxílio ou por eles serem mais autônomos em suas funções? 

Caso você não esteja acessível aos colaboradores, você também não está sendo carismático. 

E os problemas pessoais? Sua equipe sente-se confortável para falar de assuntos não profissionais com você?

Um bom líder, um líder carismático, além de inspirar os colaboradores e ser acessível a eles, transmite confiança. Faça uma autoanálise: quando eles precisam falar algo que não diz respeito à profissão ou à empresa, eles se sentem confortáveis com você? 

Um forte indicador de liderança carismática é ser visto como uma pessoa acessível à equipe, não como alguém superior e impessoal.

Como desenvolver a liderança carismática

O passo mais importante para desenvolver esse tipo de liderança é ter a mentalidade de que sempre é possível evoluir. Ou seja, mesmo que pareça difícil, você pode progredir como gestor com treinamentos constantes. 

Os estudos e treinamentos são ferramentas importantes para o aperfeiçoamento pessoal e coletivo de qualquer equipe. Você, como líder, precisa ter isso em mente para conseguir crescer profissionalmente. 

Um exemplo de treinamento que pode contribuir para o seu desenvolvimento profissional é o Gestão de Equipes Comerciais (GEC). Ministrado por Raul Candeloro, sócio do IEV e fundador da VendaMais, esse curso contém todas as técnicas e estratégias que um gestor precisa para liderar uma equipe

Com esse conhecimento, você consegue dar o primeiro passo para ser um líder carismático, o de se aperfeiçoar como líder para ser cada vez melhor para a equipe. 

Agora, veja algumas atitudes que você pode exercitar no dia a dia para se aproximar de seus colaboradores e, cada vez mais, conquistar a confiança, admiração e lealdade deles.

Ser paciente

William Shakespeare, poeta histórico, já dizia “a paciência é a mais nobre e gentil das virtudes” e Aristóteles, outro grande pensador, falava que “não possuímos virtudes antes de as colocar em prática”. Então, o que você tem feito para exercitar a paciência com sua equipe?

Paciência não pode ser comparada com o ato de ser permissivo. Ser paciente é saber ponderar suas emoções e ter calma, saber ouvir, esperar e responder o outro.

Por exemplo, ao ensinar um colaborador um novo processo, você é paciente? Às vezes algo pode parecer simples ou óbvio aos seus olhos, mas para o outro, não. Essa circunstância pode fazer as pessoas serem mais impacientes.

Exercite essa qualidade e mostre-se apto a ensinar e explicar com calma para cada um do time, quando preciso. Além disso, tenha uma postura que comunique tranquilidade no dia a dia. 

Ser acessível a todos

Como falado mais acima nesse texto, o quão você é acessível à equipe demonstra o quão carismático você é. Por isso, sempre seja acessível a todo o time. 

Não crie processos ou protocolos desnecessários para eles entrarem em contato com você. Caso eles não te procurem no dia a dia para tirar dúvidas ou conversar sobre as demandas, vá até eles e pergunte como estão, se precisam de alguma ajuda com algo, se querem alguma sugestão…

Mostre-se pronto para cada um sempre que eles precisarem.

Ser altruísta

O altruísmo é outra qualidade muito importante para os cargos de liderança. Essa palavra significa o comportamento com ausência de egoísmo. Ela está muito ligada à empatia e à preocupação com o próximo. 

As pessoas altruístas são vistas como boas; e, profissionalmente, como alguém inspirador e qual a presença melhora o dia dos outros. 

Você consegue exercer o altruísmo quando pensa no time como seres com diferenças entre si e com dificuldades diferentes ou iguais às suas? 

É importante dar atenção à particularidade de cada um. Busque sempre entender o outro, a realidade dele e como você pode contribuir para proporcionar uma melhor experiência à equipe. 

Ter boa comunicação

A comunicação clara e transparente fortalece o time, pois a tendência é que em um ambiente com transparência diminua a margem para confusões

Você, como líder, precisa trabalhar esse ponto na equipe e em você. Líderes carismáticos são líderes confiáveis, e não há como ser confiável sem ser sincero. 

É comum que algumas pessoas confundam sinceridade com inconveniência, arrogância e grosseria. Entretanto, ser sincero significa ser capaz de ser verdadeiro, mas de maneira coerente e simpática, sempre respeitando a outra pessoa.

Tornar o ambiente mais agradável

Por fim, você precisa tornar o ambiente de trabalho agradável a todos. Essa última atitude é uma junção de todas as outras. 

Deixar o ambiente de trabalho mais agradável significa proporcionar um espaço seguro para os colaboradores serem quem são, serem transparentes, verdadeiros e vozes ativas nos processos da empresa. 

Além de tudo isso, é necessário e primordial que esse espaço proporcione a possibilidade para cada um evoluir e crescer, sempre com a sua ajuda como alguém para apoiar, incentivar e propor novos desafios.

E aí, chegou a uma conclusão? Você é um líder carismático? Nós, do IEV, podemos te ajudar a identificar os principais desafios que a sua equipe enfrenta e como superá-los, além de estarmos aqui para que você possa tornar-se um verdadeiro gestor de alta performance, carismático e que gera os maiores resultados. 

Converse com um de nossos especialistas, basta clicar aqui e agendar uma reunião estratégica.