Por que investir em uma franquia antes dos 30 anos?

Por que investir em uma franquia antes dos 30 anos?

Ser dono do próprio nariz é o sonho de muitas pessoas, em especial dos mais jovens, que almejam liberdade e autonomia na vida profissional. No entanto, muitas vezes, a inexperiência pode ser um fator comprometedor quando o assunto é empreendedorismo. Por esse motivo, as franquias acabam surgindo como uma excelente opção de investimento.

Como já foram testadas e validadas pelo franqueador, o risco é infinitamente menor do que o empreendedorismo solitário. Embora não seja possível dar garantias de sucesso, as franquias são empresas já maduras e saudáveis, com processos bem definidos. Ou seja, com ela, o jovem empreendedor não precisará descobrir o que funciona e o que não funciona. Basta seguir as diretrizes da franqueadora.

Um dos maiores atrativos é a flexibilidade na jornada de trabalho. Como dono, você faz o seu horário de trabalho. E existem muitas franquias com opção de home-office, o que, além de reduzir o valor do investimento, permite muito mais tempo livre, já que o empreendedor não precisa se locomover diariamente até a empresa.

No entanto, essa modalidade demanda muita disciplina. O fato de estar em casa não pode representar nenhum desleixo com os negócios. Trabalho é trabalho e lazer é lazer. Tudo deve ter seu tempo. Também é preciso reservar um local para conversar com os clientes. Pode ser um quarto ou um escritório dentro de casa ou mesmo um café em um lugar com boa localização.

Contudo, melhor mesmo é quando a própria franqueadora dispõe de um espaço para que o franqueado faça os seus atendimentos. Nesse caso, ele só vai até o estabelecimento para receber os clientes, que muitas vezes nem ficam sabendo que o franqueado é home-based. Além de mais baratas, essas franquias conseguem criar uma atmosfera perfeita, oferecendo tudo o que o franqueado precisa para ter sucesso nos negócios.

Outro cuidado especial que o jovem franqueado deve ter é quanto ao ramo de atividade escolhido. É preciso haver sinergia com o segmento para que o negócio decole. Trabalhar em algo que não gosta, torna-se um fardo, em vez de um prazer. Aí, as chances de dar errado são muito maiores.

Nesse sentido, franquias ligadas a educação, treinamento, turismo e intercâmbio costumam ter uma vantagem natural. Como estão em fase de formação, muitos jovens se identificam com a área de educação, como escolas de idiomas e cursos profissionalizantes. Amantes das descobertas, o turismo e o intercâmbio também figuram como os setores mais desejados.

Não é raro um jovem voltar de um intercâmbio e querer trabalhar na área. Ele fica tão encantado com a experiência que quer que todo mundo tenha a mesma oportunidade. Como tem amigos na mesma faixa etária, o processo de conquista de novos clientes acaba sendo muito mais fácil, já que existe uma sintonia total com os potenciais clientes. Essa conexão é fundamental.

Por esses e tantos outros atributos, a franquia figura como uma excelente opção para quem deseja empreender antes dos 30 anos. A garra e a força de vontade de um jovem podem ser fatores determinantes para o sucesso profissional dele dentro desse modelo de negócio. Quem investiu, recomenda.

O IEV, a maior escola de vendas do Brasil, também possui um modelo de franquias para quem quer empreender. Nossa metodologia é baseada na ciência por trás das vendas, além de treinamento contínuo para nosso time. Conheça!

*Matéria enviada pela assessoria de imprensa

Por Helicon Alvares, CEO da SEDA Intercâmbios, única agência de intercâmbio do Brasil com uma escola própria em Dublin, na Irlanda.

LEIA MAIS: 10 empreendedoras brasileiras de sucesso para te inspirar

REDES SOCIAIS: