Buyer Persona: como criar o perfil do cliente ideal para suas vendas

Buyer Persona: como criar o perfil do cliente ideal para suas vendas

Um dos princípios mais básicos em marketing e vendas é o de estabelecer um público-alvo para o qual suas ações e campanhas irão se voltar. Essa prática torna suas vendas mais direcionadas e eficazes. 

Além disso, conhecer o seu cliente é fundamental para conquistá-lo na hora da compra e manter um vínculo para futuras negociações.

Uma das técnicas utilizadas é a criação de uma Buyer Persona, uma espécie de personagem fictício que corresponde ao cliente ideal para sua empresa. Através dessa representação, podemos expressar características diversas encontradas em um público-alvo, a fim de humanizar e permitir uma visualização mais precisa de suas necessidades, desejos e comportamento de compras.  

Com a persona definida para seu produto ou empresa, a equipe de marketing pode criar conteúdos personalizados e uma linguagem atrativa para o tipo de cliente almejado, já a equipe de vendas, por sua vez, escolherá uma abordagem específica que terá mais chances de sucesso. Além desses benefícios mais esperados, trabalhar com a buyer persona pode ajudar a integrar a sua equipe de marketing e vendas, beneficiando seu time como um todo.  

Mas afinal, qual a melhor maneira de criar uma buyer persona

A criação do perfil tem origem em pesquisas, levantamentos de dados, comportamento de consumidores e mercado, pois apesar de fictício, este tem que ser pautado na realidade. 

Algumas ferramentas exatas como sistemas de CRM podem ajudar nessa tarefa, para quem já possui clientes, é imprescindível pesquisar sobre os hábitos deles e identificar padrões. E para quem é novo no ramo, é possível ter uma boa base observando informações já existentes no meio. 

Uma entrevista com pessoas reais do seu público-alvo é muito útil para a construção da buyer persona. Hoje existe a facilidade de realizar esse processo online, através de formulários, questionários, enquetes, e uma infinidade de hábitos que podem ser revelados através de curtidas, compartilhamentos e publicações. Se você não quiser fazer esse levantamento sozinho, existem empresas especializadas neste trabalho, não por acaso, o grande fluxo de dados coletados online já é considerado a commodity do futuro, tamanho o impacto que seu uso pode gerar nos negócios. 

Não existe uma fórmula, é preciso encontrar a melhor forma de traçar um perfil de acordo com a necessidade do seu negócio. As ferramentas e possibilidades são muitas. E aí, pronto para criar a sua buyer persona e bombar as suas vendas?

Leia Mais: Como o E-commerce pode ajudar nas vendas físicas

Acompanhe as nossas redes para mais conteúdo: Facebook e Instagram