RH estratégico: conceito + como contribui para área de vendas

Por muito tempo, acreditava-se que a área de Recursos Humanos era responsável apenas por questões burocráticas e trabalhistas dentro de uma empresa. Contudo, o RH estratégico surgiu para mudar esse pensamento e, especialmente, para mostrar a importância do setor comercial.

Afinal, sabemos que a área de vendas é uma das mais fundamentais de qualquer organização, certo? Mas, então, o que podemos pensar sobre o departamento que é responsável pela construção do time de vendas, por exemplo?

Entre uma série de funções, a equipe de RH preza não apenas pela qualidade dos profissionais que contrata, mas também por desenvolver suas competências e criar estratégias para reter os talentos na empresa.

Ou seja, é um trabalho essencial para qualquer companhia. Mas a verdade é que um planejamento estratégico de RH pode ser ainda mais bem aproveitado quando está diretamente alinhado à área de vendas. Quer saber mais sobre isso? Então, continue a leitura!

O que é RH estratégico?

O RH estratégico é um modelo de gestão que está preocupado não apenas com a otimização de processos, mas também com as tomadas de decisão mais assertivas. Isso é feito considerando dados reais e, em especial, olhando para todos os profissionais de maneira mais estratégica.

Uma boa maneira de entender esse conceito é pensar, primeiramente, no RH tradicional. Em geral, ele tem um modelo que lida de forma reativa. Isto é, espera que as demandas apareçam, para então começar a agir.

A gestão estratégica de RH, por outro lado, tem um caráter muito mais proativo e consegue antever o que deve ser feito em relação à gestão de pessoas.

E, mais do que isso, tende a fazer uma melhor integração com os gestores de outras áreas, alinhando os principais pontos de cada um e, ainda, criando estratégias que podem beneficiar o rendimento da equipe.

Tudo isso mostra que o RH estratégico está diretamente ligado ao crescimento da empresa.

Ainda assim, não são todas as organizações que utilizam esse modelo, ou veem sua importância para o time de vendas, por exemplo. Mas o que devemos entender é que ele olha para as pessoas de maneira estratégica e, exatamente por isso, pode ser muito bem-vindo para qualquer organização. 

O que é necessário para ter um bom planejamento estratégico de RH?

Em primeira instância, devemos entender que, quando falamos da gestão estratégica de RH, não estamos deixando a parte do Departamento Pessoal de lado. Até mesmo porque ele também é fundamental para a organização. Mas, então, como separar a visão do RH como operacional para o estratégico?

Alguns pontos podem ser considerados neste momento, avaliando as maneiras de facilitar o trabalho desses profissionais no dia a dia. Veja quais são.

Alinhamento à cultura organizacional

Não dá para pensar em um RH estratégico se ele não está alinhado à cultura organizacional. A propósito, se a organização não está preocupada em atualizar o seu modelo de gestão, por exemplo, muito pouco poderá ser feito com o planejamento estratégico do RH.

Responsabilidade de melhoria contínua

A melhoria contínua é uma prática que as empresas adotam quando buscam ininterruptamente aperfeiçoar seus produtos, serviços e processos. Entretanto, será que não podemos pensar nisso para as pessoas, também?

No fim das contas, é fundamental que os profissionais estejam em constante desenvolvimento, aprimorando suas técnicas e tornando seu dia a dia mais produtivo.

Pensar em ferramentas ou criar estratégias para otimizar esse processo é um trabalho fundamental do RH.

Análise de dados

Como falamos, uma das principais características do RH estratégico é que as decisões são tomadas com base em dados concretos. É cada vez mais comum que as empresas adotem uma postura data driven e, na área de Recursos Humanos, isso não seria diferente. 

Por sinal, não existe um bom planejamento estratégico que não seja feito analisando cenários, informações e estatísticas.

Agente de transformação

Passou-se do tempo em que a área de Recursos Humanos tinha apenas um papel reativo dentro da empresa. Aliás, já entendemos a importância que o caráter proativo dessa área tem para os resultados de toda a organização.

Por isso, a gestão de RH estratégico deve ser ativo, pensando em transformar não apenas o ambiente, mas também as relações de trabalho.

Como a gestão estratégica de RH pode contribuir para a área de vendas?

Em se tratando de vendas, a gestão estratégica de RH contribui para uma série de pontos-chave, o que também pode ser adaptado para outras áreas. Isso inclui: alinhamento com o líder comercial, formação de equipes de alta performance, gerenciamento de talentos, mensuração de dados e capacitação de profissionais.

Até aqui, você já entendeu sobre a importância de um RH empresarial bem consolidado e, mais do que isso, estratégico. Sendo assim, vamos pensar mais sobre como isso pode beneficiar a área de vendas em específico. Confira.

Alinhamento com o líder comercial

Quando pensamos em uma equipe de alta performance, falamos sobre vendedores motivados e profissionais altamente capacitados, certo? Mas já parou para questionar sobre como seria difícil alcançar resultados consistentes sem um bom líder?

Ele é uma peça fundamental não apenas para aumentar o potencial de vendas, mas principalmente para manter o engajamento e a motivação do time lá no alto.

Logo, mais do que contratar bons vendedores, o RH estratégico deve pensar, também, na importância do líder da área comercial. Apenas reconhecendo isso é possível que as duas partes trabalhem em conjunto e tenham um bom alinhamento para as próximas questões.

Formação de uma equipe de alta performance

A seleção e o recrutamento podem ser desafios para muitas empresas. Mas, sem dúvidas, esse processo será muito mais trabalhoso se não existir um entrosamento entre o RH e o gestor de vendas.

Afinal, como saber que você está selecionando os candidatos certos, sem considerar aquilo que a área precisa? Quais são as competências, habilidades e atitudes do bom profissional de vendas? 

Para que essa etapa seja muito mais dinâmica e assertiva na sua organização, confira este eBook completo sobre o assunto. Baixe gratuitamente.

Gerenciamento dos talentos do setor

A gestão e retenção de talentos é o esforço que a companhia deve fazer, baseado em um bom planejamento estratégico, para que seus funcionários continuem trabalhando ali. Mas, para isso, é necessário elaborar planos de ação estrategicamente para evitar uma alta rotatividade.

Reduzir a taxa de turnover e, ainda, manter os melhores profissionais trabalhando na sua organização, é uma das funções mais importantes deste modelo de gestão. 

Como falamos, é necessário olhar para as pessoas de maneira estratégica. E você não quer seu melhor funcionário trabalhando para a concorrência, concorda? Por isso, é necessário criar iniciativas e pensar em benefícios que sejam interessantes para mantê-lo satisfeito.

Mensuração dos resultados

É vital que a área de Recursos Humanos conheça e acompanhe os indicadores-chave de performance de vendas da empresa. Para que esse trabalho seja ainda melhor, é importante que seja feito em conjunto com o gestor comercial.

Por falar nisso, tal monitoramento permite analisar a performance de venda da equipe, sendo possível criar estratégias e tomar decisões mais acertadas, caso seja necessário fazer alguma mudança.

Capacitação dos profissionais

É essencial para uma organização que deseja reter seus talentos e manter uma equipe com alto desempenho é investir no desenvolvimento de seus colaboradores. 

A educação corporativa é um projeto de formação desenvolvido pelas empresas, em que a missão é incentivar a aprendizagem contínua. Isso permite que os funcionários adquiram novas competências de acordo com as estratégias empresariais.

Ao investir na sua equipe, você mostra que se importa com ela. Isso ajuda a aumentar a produtividade e faz com que os colaboradores se sintam mais motivados, já que se sentem valorizados.

Saiba que a alta performance é treinável e fundamental para que a força de vendas alcance melhores resultados. Veja mais sobre isso no nosso eBook!

Conheça o IEV: educação corporativa para times de vendas

No IEV, você encontra mais que apenas um curso ou treinamento, pois temos a mais completa capacitação de vendas do Brasil. Como? Por meio da união da teoria, técnicas, métodos e resultados verificáveis.

Além disso, contamos com a experiência dos maiores especialistas do Brasil, com metodologias práticas e eficientes.

No mercado desde 2014, o IEV já ajudou 30 mil alunos e mil empresas a alcançar bons resultados. Ou seja, somos a principal opção para as organizações que buscam descobrir, desenvolver e atingir todo o seu potencial em vendas.

Quer saber mais? Entre em contato com nossa equipe do IEV e comece hoje essa mudança.

WhatsApp us